Para se tornar líder de uma indústria ainda por inventar, um artesão da massa fresca deve saber transformar-se em empreendedor de vanguarda, dotado de um instinto infalível. Esta é a história de Giovanni Rana.

  • 37
  • 60
  • 62
  • 65
  • 71
  • 80
  • 12
  • 18
  • 37
  • 60
  • 62
  • 65
  • 71
  • 80
  • 12
  • 18
1937

Desde 15 de Outubro de 1937, quando nasceu em Cologna Veneta, perto de Verona, Giovanni trouxe um pouco de confusão à família Rana. Em vez dos estudos preferiu os trabalhos manuais e em 1950, apenas com 13 anos, juntou-se aos irmãos na padaria de família em San Giovanni Lupatoto.
Giovanni aprendeu rapidamente os segredos da panificação, mas o futuro que o aguarda é bem diferente do que todos tinham imaginado para ele.

1960

A sociedade e o trabalho evoluem rapidamente, e Giovanni está pronto para agarrar as oportunidades: decorre 1960 e a Itália está no auge do boom económico, que leva a um aumento da riqueza, dos consumos e do emprego, também feminino. É exatamente este último fator a tornar-se na faísca para iniciar uma nova atividade profissional.
"Se as jovens esposas já não têm tempo para fazer os tortellini, faço-os eu para elas!" deve ter dito a si mesmo, antes de adquirir por 18.000 liras o mítico Guzzino usado, com o qual os entrega pessoalmente às primeiras famílias clientes.
E foi assim que a massa fresca feita em casa se transformou na massa fresca que Giovanni Rana te leva a casa.

1962

Em 28 de Março de 1962 abrem-se oficialmente as portas da Fábrica de Massa Alimentar Rana. Uma grande meta a festejar, mas parar está fora de questão. De facto, já não são suficientes duas mãos para empastar os tortellini; passam primeiro a quatro, depois a oito, depois ainda a dezasseis, até que Giovanni percebe que é o momento de enveredar por uma nova estratégia de crescimento.
A massa fresca feita à mão, segundo uma tradição italiana, que passou de geração em geração, está pronta para se tornar na massa fresca a produzir em escala industrial.

1965

A produção que Giovanni tem em mente. Com o auxílio de engenheiros e mecânicos do local, projeta e desenvolve novas máquinas, que possam responder à procura crescente de volumes e de variedades de massa.
O investimento é imponente e difícil de suportar, mas é retribuído em breve: a produção cresce de 15 kg de tortellini por hora para centenas de kg por hora… definitivamente demais para entrarem no cesto da sua motocicleta! Para a massa recheada de Giovanni Rana chegou a hora de se preparar a viajar por toda a Itália.

1971

Iniciam os anos Setenta e a empresa precisa de um estabelecimento mais espaçoso. Para Giovanni foi espontâneo pensar em construí-lo em San Giovanni Lupatoto, próximo da sua nova casa.
Nesses anos, a crescer não são só os negócios, mas também a ambição de Giovanni e quanto mais se reforça o apego à sua própria terra, mais se forma nele a ideia de abrir a distribuição dos produtos Rana para novos mercados, para além do italiano.

1980

As famílias italianas já adoram Giovanni e os seus tortellini quando Gian Luca, o seu único filho, e atual Administrador-Delegado, começa a trabalhar na empresa. Como tinha visto o pai fazer, sonha em grande e o seu primeiro objetivo é o de levar para toda a Europa os produtos Giovanni Rana e a alegria da boa cozinha italiana.
O seu sonho realiza-se em poucos anos, mas com um leque assim tão grande de clientes é necessário encontrar um novo modo para se dar a conhecer e chegar diretamente ao coração das pessoas. TRL'azienda começa a investir em publicidade e Giovanni prepara-se para mostrar a cara.

2012

O sonho da família Rana de desembarcar com os seus produtos na América não só se realiza, como se torna ainda maior! Abrem praticamente ao mesmo tempo o primeiro estabelecimento em Chicago e o primeiro restaurante em Nova Iorque, no exclusivo quarteirão de Chelsea Market.

2018

Atualmente, Giovanni Rana continua a crescer e expandir-se para mais países que oferecem a melhor massa fresca e cumprindo os sonhos de uma família que não pára de crescer...